O que fazer em Buenos Aires

Buenos Aires, a badalada capital argentina, aparece como um dos primeiros destinos do turista brasileiro na hora de programar uma viagem. Mas o que a cidade pode oferecer além do famoso churrasco, o Obelisco ou Caminito? Na verdade, muitas outras coisas.

As escolhas são numerosas, e geralmente os dias inclusos nos pacotes turísticos costumam ser insuficientes para poder conhecer e aproveitar todas as atrações que Buenos Aires apresenta. Passeios, espetáculos, manifestações culturais, tours temáticos e compras, sem esquecer da gastronomia, são alguns dos diversos atrativos que a cidade tem.

Havendo alternativas para todos os orçamentos você poderá gastar bastante dinheiro, mais ou menos, pouco ou nada. Sim, tem coisas para curtir totalmente de graça. Então, não sabe o que fazer em Buenos Aires? Confira dez opções diferentes e vá organizando a sua agenda!

Booking.com

Passeios

Os amantes da natureza têm motivos para ficarem empolgados. Além do passeio de lei pela cidade com o Bus Aberto (ideal se você vai pela primeira vez e não dispõe de muito tempo), as possibilidades de desfrutar de um dia ao ar livre longe da metrópole, junto com os animais e a natureza, são grandes.

Buenos Aires conta com dois zoológicos: o de Palermo e o sempre polêmico Zoo de Luján, onde os animais estão soltos e os visitantes podem entrar nas jaulas e tirar fotos junto com eles. Já o parque Temaikén combina zoológico, aquário, museu e jardim botânico, tendo ainda atividades para as crianças.

Outro programa interessante é visitar algumas das fazendas que estão localizadas fora da capital e curtir em primeira mão um bom Churrasco Criollo junto com a música e os costumes típicos do interior argentino. Bem diferente daquilo que você pode ver no agitado centro de Buenos Aires.

O Tren de la Costa também resulta um passeio atraente e ao chegar à estação Delta (o ponto final, no Tigre), você pode conhecer o Mercado de Frutos, o Casino, o Parque de la Costa e até dar um passeio em barco.

Shows de Tango

Ir a Buenos Aires e não ver dançar tango é o equivalente a visitar o Rio de Janeiro e não conseguir visualizar o Corcovado. Até para quem não se sente atraído pelo particular estilo musical, presenciar um show de tango realmente vale a pena. Existem opções por tudo quanto é lugar e para agradar todos os gostos.

Desde as elegantes casas de tango e o tradicional Café Tortoni até as genuínas milongas, ponto de encontro daqueles portenhos que adoram o tango na sua mais legítima expressão.

O que fazer em Buenos Aires, bares, Cafe Tortoni

E se você não tem tempo suficiente ou não quer gastar, pode simplesmente apreciar a arte dos dançarinos de rua. Não tem desculpa: não dá para voltar ao Brasil sem ter curtido na pele um pouquinho da emoção tanguera!

Consulte pelos preços dos melhores shows de tango de Buenos Aires.

Parques

Uma das particularidades da capital do tango é ter vários e amplos espaços verdes. Sem ter que se afastar muito do centro, o bairro de Palermo figura no topo da lista. Começando pelo Jardim Botânico, na Avenida Santa Fe, e continuando pelo Parque Tres de Febrero. Nas suas redondezas estão, por exemplo, o Jardim Japonês e o belo Rosedal. Dois lugares ideais para curtir a beleza, a harmonia e o sossego. E fugir por alguns instantes do estresse do micro centro, por que não?

O que fazer em Buenos Aires, Jardim Japonês

Até o Puerto Madero, no meio de tanta modernidade, prédios chiques e agito, conta com uma extensa área totalmente natural: a Reserva Ecológica. Do outro lado do canal, frente ao Rio de la Plata, encontra-se uma superfície de mais de 300 hectares que estava abandonada e cheia de entulho. Graças à ação da própria natureza que fez a sua parte, a vegetação começou a crescer e deu vida à atual Reserva Ecológica Costanera Sur.

Hoje em dia, os portenhos aproveitam a Reserva para dar uma caminhada, andar de bicicleta ou simplesmente tomar um chimarrão.

Espaços Culturais

Que Buenos Aires possui uma intensa e variada vida cultural não é nenhuma novidade. Prova disso é a quantidade de locais onde a cultura nacional pode ser conhecida e apreciada.  Pode ser uma visita ao Museu Malba (em Palermo), o Museu Nacional de Belas Artes, o Centro Cultural Recoleta, o Planetário Galileo Galilei ou a Usina del Arte, no bairro de La Boca. Uma visita guiada ao Teatro Colón para conhecer o interior e a história de um dos teatros mais badalados do mundo também não pode faltar no roteiro.

O que fazer em Buenos Aires, Planetário Galileo Galilei

Bares e cafés

O cafezinho também faz parte da cultura portenha e você não precisa se esforçar muito para achar um lugar agradável, se sentar e degustar tranquilamente um café. No centro, em quase todas as esquinas tem um bar ou confitería.

O que fazer em Buenos Aires, bares

Mas o portenho também gosta de beber algumas depois do expediente, é claro. Podem ser os pubs irlandeses, os bares modernos ou apenas um simples barzinho para curtir uma cerveja com uma boa picada, uma taça de vinho ou algum drinque sofisticado. Sem falar da chance de fazer uma degustação de vinhos exclusiva!

Tours temáticos

Nos últimos tempos tem aparecido uma renovada lista de atividades. A moda dos tours e passeios temáticos acabou sendo muito bem-vinda por todos aqueles turistas que já visitaram Buenos Aires e estão sempre à procura de descobrir novos pontos turísticos.

Nesse sentido, o Aires Buenos Blog oferece interessantes e originais passeios por lugares da cidade que podem estar fora dos padrões dos roteiros mais tradicionais.

A ideia da Biking Buenos Aires também não fica atrás: vários tours em bicicleta para ir conhecendo bem de perto a história (e as ruas!) da capital argentina.

Até a religião ganhou um lugar importante dentre as atrações turísticas atuais: o Tour do Papa Francisco, que permite conhecer as diferentes etapas da vida do atual Papa e ainda o parque temático religioso Tierra Santa (perto do Aeroparque Jorge Newbery), mostrando o início da história da humanidade e das principais religiões.

Edifícios históricos

Além do Cemitério da Recoleta e da Casa Rosada, Buenos Aires conta com muitos edifícios que estão abertos para visitação. Na mesma Plaza de Mayo encontramos a Catedral Metropolitana e o Cabildo, aquele que foi testemunha da famosa Revolução num chuvoso 25 de Maio de 1810.

Continuando pela Avenida de Mayo, e depois de passar pelo renomado Café Tortoni, sobressai a imponente figura do Palácio Barolo. Foi construído em 1923, trazendo uma ambiciosa arquitetura baseada nada menos que na Divina Comedia, a célebre obra de Dante Alighieri. Um dos maiores destaques do Palácio Barolo é a vista panorâmica da cidade que pode ser apreciada desde o seu terraço: simplesmente única!

Para quem procura uma proposta mais original, El Zanjón de Granados (Defensa 755, San Telmo) com seus antigos labirintos subterrâneos pode ser uma escolha que vale a pena experimentar. As visitas guiadas são efetuadas de domingo a sexta e têm uma duração de aproximadamente 60 minutos.

Shoppings, passeios comerciais e outlets

Sim, sabemos muito bem que a capital argentina já não é a mesma em questão de preços. A inflação, o real desvalorizado e aquilo tudo que já conhecemos está atentando contra o legítimo prazer de fazer compras que qualquer turista tem. Mas com o grande número de shoppings, passeios comerciais e outlets, a chance de sair e olhar vitrines procurando ofertas está sempre firme. Lugares não faltam, e sempre é possível achar alguma promoção que acaba justificando o passeio.

Saiba onde fazer compras em Buenos Aires em 2015!

O que fazer em Buenos Aires, Galerias Pacífico

Sorveterias

Um programa imperdível é saborear os sorvetes de Buenos Aires. São procurados e degustados o ano todo, mesmo nas épocas de frio e faz parte das mais firmes tradições locais. Pode ser o Dylan ou a Nonna Bianca de San Telmo, o sempre presente Freddo ou o Chungo de Belgrano.

Só que para falar a verdade cada um dos 48 bairros portenhos esconde uma boa sorveteria. E se você for pegar o Tren de la Costa em Olivos, a poucos metros da estação Maipú, a sorveteria Arnaldo oferece o melhor sorvete de Doce de Leite da Zona Norte! Um clássico sem discussão entre os vizinhos do bairro.

Feirinhas de artesanato

Comprar lembranças está incluído na vida da maioria dos turistas. Em diferentes pontos da cidade é possível achar feirinhas, que funcionam durante os finais de semana e vendem souvenires e bonitas peças de artesanato. Os preços? Tem de tudo e antes de comprar sempre é conveniente garimpar um pouco e conferir os preços.

O que fazer em Buenos Aires, Feira de San Telmo

A mais famosa é a Feira de San Telmo (aos domingos), na rua Defensa, e bem perto dela está a do Parque Lezama, sobre a Avenida Martín García. A feira da Recoleta (em frente da Igreja del Pilar), a de San Isidro (ao lado da Catedral) ou a da Plaza Serrano, no coração do Palermo Soho, são outras das opções que você tem na hora de comprar alguma recordação da sua viagem a Buenos Aires.