5 bares notáveis de Buenos Aires

Mesmo que às vezes consigam enganar um pouco, no fundo do seu coração os portenhos têm um intenso amor pelas suas tradições. Boa parte das raízes é de origem europeia e na gastronomia podemos encontrar várias provas disso.

Depois do grande número de imigrantes que desembarcaram em Buenos Aires, o setor gastronômico teve o seu território bem definido: os italianos tomaram conta das cantinas e pizzarias e os espanhóis ficaram com os bares, alguns restaurantes e os populares e já inexistentes armazéns de bairro. Esses onde a maioria das famílias comprava hoje, mas pagavam no final do mês.

Muitos dos antigos barzinhos ainda estão em pé, embora aqueles garçons de jaqueta branca, calça preta e eterno mau humor já praticamente sumiram.

Booking.com

Outra característica era que no passado, em quase todos os cafés se jogava sinuca (ou bilhar francês, na verdade) e alguns deles ainda conservam aquelas históricas mesas. A quantidade de bares e cafés existentes na cidade é infinita, mas um grupo seleto consegue se destacar entre a maioria: os chamados bares notáveis.

Os bares notáveis de Buenos Aires são 73 no total, muitos deles considerados Patrimônio Cultural da Cidade e representam o verdadeiro espirito da capital argentina. Quantas histórias não aconteceram entre as paredes desses míticos espaços? Que personagens da cultura e da boêmia portenha não sentaram alguma vez naquelas mesas frente a uma xícara de café?

Hoje em dia, vários desses bares combinam o tradicional café portenho durante o dia com shows de tango à noite:

Outros, no entanto, conseguiram resistir com firmeza o passar do tempo e das tendências e continuam nos seus lugares originais.

Como a lista é muito extensa, mostramos 5 bares notáveis de Buenos Aires que você não deve deixar de visitar.

Bar Seddon

O Seddon traz uma mistura de café tradicional e lugar cult, e por isso é um dos mais visitados de San Telmo, na esquina das ruas Defensa e Chile. Mesmo sendo dos mais recentes, ainda conserva a ambientação original, com os lustres e mobília de nobre madeira que eram tão característicos nas primeiras décadas do século passado.  Um bom lugar para quem estiver procurando música, comidas rápidas e cerveja bem gelada no coração do bairro mais antigo de Buenos Aires.

Defensa 695, San Telmo.

Bares notáveis de Buenos Aires, Seddon (Foto: Alan Patrick)

36 Billares

Ocupa o térreo e o subsolo do Hotel Marbella desde 1894. A sua continuidade foi seriamente ameaçada já que ficou fechado durante um tempo, mas reabriu as suas portas novamente em novembro de 2014. No porão encontra-se o que para muitos é considerado o melhor salão de bilhar de Buenos Aires. Além disso, os 36 Billares oferece um cardápio com os pratos mais tradicionais, picadas, bebidas e ainda shows de tango. Um programa completo a poucas quadras do Congreso!

Avenida de Mayo 1265, Congreso.

Bares notáveis de Buenos Aires , 36 Billares

La Biela

Um dos bares notáveis de Buenos Aires mais antigos, já que foi fundado em 1850. Visitar a Recoleta e não entrar em La Biela pode ser considerado uma falta grave já que é um dos maiores destaques do elegante bairro (perde unicamente para o Cemitério que está justamente do outro lado da praça). Foi o preferido pelos membros da classe alta de Buenos Aires e hoje em dia continua mantendo o mesmo charme.

Quintana 600, Recoleta.

Bares notáveis de Buenos Aires , La Biela (Foto: Beatrice Murch)

Confiteria Las Violetas

A glamorosa confeitaria foi construída com os melhores materiais trazidos da Europa. Seu visual chama à atenção logo na hora que a gente entra no salão principal: colunas imponentes, coloridos vitrais e pisos de mármore branco. Elementos muito habituais na época dourada da Argentina. Las Violetas é o orgulho do bairro de Almagro e ficou fechada três anos até ser reinaugurada em 2001, onde hoje funciona como café e restaurante.

Rivadavia 3899, Almagro.

Bares notáveis de Buenos Aires, Confiteria Las Violetas (Foto: Vagner Carvalheiro)

Café Margot

Um típico café de Buenos Aires, num bairro que é sinónimo de Tango: Boedo. Suas paredes de tijolo estão enfeitadas com garrafas de vinho e os atuais donos ainda mantêm a qualidade do prato mais pedido: o popular sanduiche de peru. Você sabia quem foi um dos frequentadores mais famosos do Café Margot? Nada menos que o próprio presidente Juan Domingo Perón, quem costumava dar uma rápida passadinha para experimentar o já mencionado petisco.

Boedo 857, Boedo.

Bares notáveis de Buenos Aires, Café Margot (Foto: jglsongs)